terça-feira, 8 de março de 2011

Cartas à Julieta - O Aviso

Diga não, Julieta.
Não aceite qualquer coisa de amor. Porque não me parece mais justo. Romeu, na verdade, só gostou de você visualmente, naquele primeiro instante. Ele era apaixonado por outra durante todo o tempo, e só olhou para você porque seu vestido era bonito naquele dia. Não acredite, Julieta, mesmo que ele diga palavras bonitas e dificeis de entender, é só da boca para fora. Romeu mente, e mente com beleza. Mente fingindo não mentir. Mente elegantemente, como um verdadeiro canalha. E você, o que faz? Você, Julieta, acredita nele. Assim como eu acreditei e assim como todas que ainda suspiram ao conhecer sua história, acreditam. Mas ele é só um garoto, como os outros. Uma criança que cresceu demais. Só um garoto, que cresceu por fora e esqueceu de crescer por dentro também. Me escute e fuja dele o quanto antes, porque eu sei como essa história acaba. 
Não deixe sua vida por ele, Julieta, não vale a pena. Na verdade, nunca valeu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Toda ação gera uma reação. Eu agi, agora é vez de vocês reagirem. :)